Investimentos Anunciados em MG: Soma de 28 bi no Quarto Trimestre de 2016

Essas informações são oriundas do “Investment Report” um produto de informação para apoio à decisão das organizações, da consultoria Nous SenseMaking, especializada em Inteligência, Estratégia e Data Analytics.

O “Investment Report”, se traduz num monitoramento contínuo e amplo de fontes públicas e privadas, assim como no levantamento de informações junto a diversas fontes humanas (analistas, empresários, consultores, dentre outros). Um de seus trunfos é conseguir realizar o mapeamento de investimentos não somente de empresas de grande porte, mas também das companhias de pequeno e médio porte. Está baseado numa metodologia própria criada pela Nous SenseMaking e que foi testada nos últimos anos em múltiplos projetos de Inteligência, o que demandou acompanhamento, verificação e análise constante, culminando em múltiplos refinamentos e ajustes até que se chegasse a uma abordagem de Classe Mundial.

Panorama Geral do Resultados do Investment Report, 4 TRI / 2016

O aumento de 78% no volume de investimentos do 3 TRI / 2016 para o 4 TRI / 2016, totalizando R$ 28,32 bilhões, se deu principalmente pelas inversões nos segmentos de Energia, Agropecuária e Água e Saneamento. Ao todo, foram 49 diferentes segmentos que anunciaram sua previsão de investimentos, com aumento de 103% na quantidade de anúncios de novos investimentos na comparação com o trimestre anterior. Predominaram nesse trimestre investimentos oriundos diretamente do setor público ou de empresas, entidades e organizações que são mantidas por recursos públicos.

Esse movimento verificado no quarto trimestre de 2016 mostra que há setores que não forma impactados de forma tão profunda como outros pela crise instalada, e isso é corroborado pelos anúncios de investimentos, manutenção do faturamento e perspectivas dessas empresas.

Os investimentos em inovação, Pesquisa & Desenvolvimento tiveram forte crescimento, tanto no valor quanto no número de anúncios captados, onde foi constatado um volume de R$ 581 milhões anunciados, provenientes de 13 empresas / instituições distintas. As regiões mineiras que concentraram esses investimentos foram: Metropolitana de Belo Horizonte, Triângulo Mineiro / Alto Paranaíba e Zona da Mata; com destaque para as cidades de Nova Lima (R$ 10 MM), Uberaba (R$ 8 MM) e Belo Horizonte (R$ 5,4 MM).

Destaque para a retração dos investimentos em “Ampliação de Capacidade”, indicando um menor aporte em aumento da produção em unidades já instaladas, corroborando que ainda há incertezas quanto a ampliação dos negócios em diversos segmentos e que nem todas as expectativas são positivas, em específico no setor industrial, que correspondeu a 50% do total dessa categoria de investimentos.

Os principais municípios contemplados com anúncios de investimentos no último trimestre de 2016 foram: Belo Horizonte (R$ 840 MM), Itajubá (R$ 627 MM), Contagem (R$ 483 MM), Juiz de Fora (R$ 473 MM), Uberaba (R$ 298 MM), Jeceaba (R$ 200 MM), Varginha (R$ 160 MM), São João Evangelista (R$ 157 MM), Poços de Caldas (R$ 128 MM) e Montes Claros (R$ 126 MM).

O investimento é realizado com base na taxa de retorno e na expectativa do empresário em relação ao futuro. Mesmo com um cenário recessivo, de baixa expectativa, com indicadores macroeconômicos com resultados negativos, ainda há um grupo de empresários que estão investindo, apostando que a demanda de seus segmentos irá aumentar. Se essa hipótese se concretizar, eles sairão na frente para atender essa demanda a seu provável crescimento quando entrarmos num processo de retomada do crescimento.